1

“Desalento” de Rosário Palma

Fonte da imagem: http://weheartit.com/entry/24808711

Não me peçam para falar de amor

Naquilo que desacreditei

Peço-vos por favor

Não insistam, pois não falarei.

 

Ainda não curei a ferida

Cravada no meu peito

Jamais será esquecida

Num coração desfeito.

 

Um coração petrificado

Por uma mentira tirana

Por isso não falo, fico calado

Pois quem ama não engana

 

Prometeram-me rosas

Prometerem-me poesia

Nem tive direito a prosas

Apenas a uma cobarde tirania.

 

 

by Rosário Palma

One thought on ““Desalento” de Rosário Palma

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s