Poesias

“Matas-me” de Mariana Luz

 

 

Mata-me a tua ausência,

Sufoca-me o teu silêncio,

Mata-me o teu jeito de ser cobarde,

Sufoca-me as tuas mentiras.

Mata-me a tua maneira de amar,

Sufoca-me as tuas ilusões.

Mata-me do teu mundo

Enquanto me sufocas o coração!

E por fim mato-te mentalmente,

E sufoco-te no papel.

by Mariana Luz

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s