Poesias

“Existência” de Bruno Almeida

A natureza humana que nos descreve
Sente a mente presa e ingenua que nos conscreve.
Vá,sigam todos o principio da invencibilidade
Deus meu, quanta imbecilidade!
Lamentem sim, a partida de sentimentos
Mas nunca esqueçam os momentos
Que vos tornou quem sao
Nestes tempos de plena censura e coerção.
Procurem o vosso ideal de presença
E nunca a pobre ausencia
Que se insinua crua, insìpida,brutal…
De uma existência austera e desleal!
Deixo agora a decisão nas vossas mãos,
Abraçando-vos a todos como irmãos
De natureza platónica mas sincera,
Será utopia o que nos espera?
by Bruno Almeida

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s