Poesias

“Poema inacabado” de Rosário Palma

O poeta faleceu!

Sobre o poema que escrevia sua cabeça tombou

Sem sabermos o que escreveu

Deste poema que não terminou.

Seria sobre um amor desaparecido

Que partiu e não voltou?

Seria sobre um amor proibido

Do qual nunca desfrutou?

Seria por se sentir só

Neste imenso sofrimento?

Sentir de si próprio, dó

E sucumbir no momento.

Agora que o poeta morreu

Já nada mais importa

Tudo se desvaneceu

Também a Arte ficou morta.

Fica, assim, a Arte mais pobre

Perdendo assim um talento nato

Atraiçoado pela morte

Deixou-nos o seu poema inacabado.

by Rosário Palma

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s